Um Yoga Egoista

Este é o primeiro post do nosso blog, talvez por isso vos queria escrever sobre o que é o yoga para mim, talvez o titulo seja polémico..mas já vão perceber porquê.

Penso que a determinada altura da nossa vida, e algum momento, precisamos de encontrar alguma coisa que nos mantenha de pé, que nos faça não desistir, alguma coisa em que acreditar.

Numa tentativa de me abstrair descobri o jogging, e corria todos os dias, aquele era o meu momento, que me deixava mais leve, parecia que o suor e o esforço me deixavam mais limpa e de cabeça vazia, pelo menos enquanto corria, corria até não conseguir mais, a disciplina de ir correr todos os dias, mesmo quando não me apetecia, fizesse sol ou chuva, mantinha-me de cabeça sã, por momentos.

Descobri o yoga, entre a corrida, as idas ao ginásio e o body balance, um dia fui experimentar uma aula, e depois outra, e outra. Percebi que o yoga me trazia benefícios físicos e mentais, e que os experienciava de uma forma muito real.

Comecei a perceber que conseguia domina o meu corpo, e a conhece-lo de uma forma mais real, sentida, conseguia perceber como chegar a determinado objectivo e como aumentava a minha resiliência. Aprendi como dominar e controlar a mente(continuo a aprender), e todos os dias, eu via resultados. Já não era só benefícios físicos, a minha mente reagia a uma disciplina e programação mais consciente e o meu corpo era o meio para o conseguir.

Ganhei capacidade de perspectiva, paciência, passei a viver um dia de cada vez, aprendi a respirar com totalidade, e a colocar o melhor de mim em tudo o que faço. Passei a por em prática uma filosofia de vida, que dá espaço a todos, que me faz seguir onde outrora me bloqueava, deixei de me agarrar ao que empurrava para baixo, mas comecei a querer respirar bem, sempre e consciente, à superfície.

Sei que ainda estou a aprender a voar, e todos os dias, e com todos os que me rodeiam tento voar mais alto um bocadinho, não me “violentando” de forma nenhuma( é difícil, mas tento todos os dias). todos os dias me conheço melhor, todos os dias consigo dominar mais alguma coisa que não conseguia antes. Recebo de volta tudo a que me entrego de coração aberto, pessoas, acções, reacções, que  me preenchem todos os dias, e sigo aprendendo e recebendo e diluindo…desapegando-me.

Yoga egoísta, porque para fazermos parte do todo, primeiro temos de fazer parte de nós próprios, a não violência, a verdade, a disciplina, o desapego, o contentamento, tudo isto faz parte de uma filosofia de vida que é o yoga,e onde me encontro.

Florbela Sequeira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.